Notícias

Lelo consegue R$ 10 milhões para construção de cisternas e minimizar crise hídrica

Já conversei com o ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, que garantiu o empenho do recurso, que será dividido em três parcelas. A primeira, será liberada ainda este ano. Mesmo com as chuvas recentes, precisamos de ações concretas para ajudar a minimizar os efeitos da crise hídrica no nosso Estado.


Lelo votará a favor do fim do foro privilegiado

“Já passou da hora de acabar com o foro privilegiado. O mecanismo é usado como escudo de proteção para quem tem problemas com a Justiça e deve à sociedade."


“A reforma da Previdência quebra privilégios”, diz Lelo Coimbra

“Estamos em uma situação limite e explosiva do buraco previdenciário”


Lelo indica R$ 14,7 milhões em emendas ao Orçamento da União para Saúde e infraestrutura

Com as prefeituras tendo poucos recursos em caixa para investir, as emendas ao Orçamento da União vão ajudar a atender as demandas da população capixaba. Nosso trabalho e esforço são permanentes para garantir mais recursos para as cidades do Espírito Santo.


Hospital Rio Doce vai receber aparelho de radioterapia

“Temos a garantia do ministro da Saúde, Ricardo Barros. O Hospital Rio Doce já está habilitado para receber esse equipamento de radioterapia. Vamos garantir um tratamento mais humanizado e com qualidade na assistência”, informou Lelo


Ministro garante unificação do período de defeso do camarão no Espírito Santo

O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, garantiu que fará a unificação e mudança do período do defeso do camarão no Espírito Santo para os meses de dezembro, janeiro e fevereiro.


Lelo cobra auxílio emergencial para pescadores prejudicados por desastre da Samarco

Lelo solicitou ainda que todas as embarcações de camarão, registradas no órgão competente, localizadas desde Vitória até Conceição da Barra, tenham os proprietário e seus tripulantes reconhecidos como impactados


Vitória, Colatina e Linhares vão receber aparelhos de radioterapia

Lelo recebeu a garantia do próprio ministro da Saúde, Ricardo Barros